A CRISE DOS BRINQUEDOS

0

CARLOS FRANCO

A crise global dos mercados fez mais uma vítima. Durante 150 anos, a alemã Märklín foi sinônimo de brinquedos, especialmente trenzinhos que encantou gerações. A empresa fudanda em 1859, an cidade de Goppingen, a 50 quilômetros de Stugart, sobreviveu a duas grandes guerras mundiais, acompanhou o desenvolvimento tecnológico e encantou gerações. Só que a crise, agora, bateu mais forte e aguda, no chão da fábrica e neste início de 2009, quando comemoria o seu sesquicentenário, cerrou as portas. Pediu falência.
O mercado de brinquedos parece a ponta mais frágil da economia nesse período de turbulência, um descarrilamento que tem a ver também com as novas tecnologia, a força do entretenimento virtual e digital. A velha fábrica alemã de sonhos até tentou, passou a produzir trens conduzidos por equipamentos tecnológicos e trechos com sinalização e comandos digitais. Mas, é claro, não teria como abrir mão daqueles vagões e locomotivas cuidadosamente talhados no metal e pintados artesanalmente, que foram sonho de consumo de nobres na Europa e, por isso mesmo, objetos de desejo de muitos ao alcance de poucos. É isso o que fez com que a marca tivesse valor bem maior que as dívidas que, agora, a soterraram na falência.
A gigante mundial de brinquedos, a Mattel, também comemora de forma tristonha os 50 anos de um ícone, a Barbie. A empresa tem criado filmes, games, moda – infantil e adulta – e chegou até a lançar, com a Apple, iPod e iPhone da boneca, mas tudo isso parece insuficiente nos dias que correm.
As vendas da boneca caíram 20% no quarto trimeste do ano passado ante o mesmo período de 2007 e o lucro líquido da líder mundial ficou em US$ 379 milhões em 2008 ante US$ 600 milhões no ano no ano anterior.
Nem por isso, Barbie deixará de ganhar uma festinha. Para comemorar a data, em 9 de março, a Mattel fez acordo com estilistas como Jeremy Scott e Vera Wang para lançar roupas para mulheres durante a semana da moda de Nova York, que serão vendidas por até US$ 15 mil.
No Brasil, a Estrela, outrora sinônimo de brinquedo, também amarga péssimos resultados, especialmente porque um de seus produtos de maior sucesso, os autoramas, hoje parecem peças do museu do brinquedo. Explica-se: a morte de Ayrton Senna e o avanço da tecnologia, por meio de simuladores de corrida em computadores, acabou por relegar o brinquedo ao pátio das recordações. Mas, da mesma forma que a Mattel fará festa para a Barbie, a Estrela prepara a de Suzy, a concorrente brasileríssima que também está a um ano de completar 50 anos.
São esses ativos e o valor afetivo e de mercado que possuem que impedem essas empresas de desaparecer completamente do mapa. Quem sabe até aparecerá comprador para a marca Märklín? O ideário da Interbrand, empresa do grupo inglês WPP e uma das maiores consultoras de marcas do mundo, diz que esses ícones são como a propaganda de Mastercard: não têm preço. Ou melhor, são ativos bilionários, fruto da propaganda e da publicidade, muitas vezes do boca a boca. É esperar para ver se os antigos trenzinhos entram novamente nos trilhos.

 

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP