HUCK E A ARTE DE ESCORREGAR NA CASCA DE BANANA

0

A UseHuck, grife de Luciano Huck, parece padecer de um grave mal quando o assunto são camisetas de oportunidade. A empresa não acerta uma: escorrega sempre na casca de banana. O pedido de desculpas por ter estampado em camisetas infantis para esse carnaval “Vem Ni Mim Que Tô Facim”, particularmente em ano em que governos e entidades da sociedade civil se uniram e investiram pesado para combater a pedofilia, é um primor. Trata-se de leitura obrigatória para profissionais de comunicação estratégica que enfrentam crises menores, por vezes mais maiores, mas que não chegam a cometer tamanho erro, tanto o da camisa criada quanto o do comunicado.

O CEO do Grupo Reserva, Rony Meisler, sócio de Huck, assinou o seguinte comunicado, pedindo desculpas ao público e dizendo que ocorreu “um erro” conforme notícia veiculada hoje pelo Clube de Criação de São Paulo (CCSP), que possui eficiente serviço de informação online:

“Pedimos profundas desculpas sobre a camiseta Vem Ni Mim Que Tô Facinha e sentimos muito por todos que foram ofendidos pela imagem. Este Comunicado não tem o objetivo de justificar o injustificável; mas apenas de explicar o motivo do erro para que fique claro que não houve qualquer intenção maldosa. Não nos eximimos do erro, nem de qualquer responsabilidade, mas é importante esclarecer que não houve a intenção de ofensa. É comum em e-commerce que as artes das estampas sejam aplicadas posteriormente sobre fotos dos modelos com camiseta branca, conforme o exemplo abaixo. Por erro nosso, todas as artes de Carnaval (inclusive e infelizmente, esta arte) foram aplicadas sobre a coleção infantil e disponibilizadas no site sem a devida revisão. Assim que percebemos esse lamentável erro, imediatamente retiramos a imagem do ar e decidimos escrever essa carta para explicar tecnicamente o problema conjuntamente com um pedido de desculpa pela falta de bom-senso e pelo descuido. Obviamente, não fosse o erro, nem a USEHUCK, nem qualquer outra marca, teria a intenção de usar uma imagem como essa para vender camisetas ou para qualquer outro fim.”, Rony Meisler, CEO do Grupo Reserva

O drama de explicações muito longas é que elas revelam, de fato, aquilo que todos desconfiam: o descuido da empresa em relação ao produto ou serviço que oferece como a própria nota assinala afirmando que foi isso que a levou a “um pedido de desculpa pela falta de bom-senso e pelo descuido”. Descuido, aliás, que parece ser rotineiro. No caso do #somostodosmacacos, não foi diferente. A USEHUCK procurou pegar carona em atitude do jogador de futebol Daniel Alves, que ao receber no gramado uma banana, no campeonato espanhol pela torcida adversária tratando-o como macaco, decidiu come-la. O gesto resultou na hastage, usada por Neymar em solidariedade ao jogador e que se espalhou com diversas pessoas postando fotos nas redes sociais comendo uma banana, numa atitude clara contra o racismo.

Huck entrou na onda, uma onda importante, só que escorreu na casca de banana ao criar pela USEHUCK uma camiseta, com a hastage, e colocá-la a venda por quase R$ 70,00 transformando em mercadoria um sentimento legítimo de revolta coletiva contra o racismo. A ideia, infeliz, das camisetas “somos todos macacos” procurando ganhar dinheiro fácil no debate contra o racismo foi um belo escorregão. Pelo visto, no entanto, parece que o estoque de bananas da USEHUCK é infinito.

Compartilhar.

Sobre o autor

Carlos Franco

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP