O SOM DA MORTE, UMA PARÓDIA

0

Os suecos, como todos os apaixonados por cinema, adoram os filmes de Ingmar Bergman, diretor de obras primas como “O sétimo selo”, em que a morte é desafiada a jogar xadrez por um homem apaixonado pela vida e que ainda deseja rever seus amores antes de ser ceifado. Na campanha para Unicef, a agência Forsman & Bodenfors (F&B) uniu esse clássico a outro clássico universal, “The Sound of Music” (A noviça rebelde), e colocou em cena a morte fazendo uma paródia de um dos maiores sucessos musicais do cinema mundial para alertar sobre os riscos de doenças que ceifam mil crianças por dia e que poderiam ser evitadas com o tratamento adequado da água.


O filme “The Sound of Death”, a música da morte criado pela F&B para Unicef, apresenta o ator Sean Buckley como o ceifador (numa similaridade impressionante com o personagem de Bergman) cantando no alto de uma montanha, como Julie Andrews em “A noviça rebelde”, as suas coisas favoritas como “a cólera, a leptospirose…..”. Enfim, todas essas doenças decorrentes do uso inadequado da água que matam 1 mil crianças todos os dias no mundo e que poderiam ser facilmente evitadas. As chamadas “mortes silenciosas” e desnecessárias. Bergman situa seu filme no universo da peste e da cólera, como Unicef.

O filme no primeiro momento choca, mas é importante como advertência de que não podemos aceitar algumas mortes como sendo naturais, uma vez que podem ser evitadas e todos são responsáveis e cúmplices dessa tragédia anunciada.

A morte, como ceifador, fala de “meninos com suas feridas de carne e nenhum desinfetante” e dessas doenças mortais de um bem mineral, a água, hoje um dos grandes desafios da humanidade. Da montanha de “The Sound of Death”, onde se pode ver a destruição, às belas encostas de “A noviça rebelde”, na austríaca cidade de Salzburgo, a diferença está no convite para a ação de Unicef Suécia para que possamos ser mais responsáveis pela vida e pelo viver ao som da música (The Sound of Music) e menos comprometidos com o som da morte. A campanha ganhou plataforma digital que você acessa aqui.

Compartilhar.

Sobre o autor

Carlos Franco

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP