PAIXÃO CEGA PELO FLAMENGO

0

A experiência de viver o Flamengo em um estádio de futebol é inesquecível e merece ser compartilhada. Essa paixão, que mexe com todos os sentidos, também é objeto de desejo dos deficientes visuais. Pensando nisso, a NBS e o Clube de Regatas do Flamengo criaram a ação “Paixão Cega”. O objetivo da campanha é estimular uma nova forma de experiência para os deficientes visuais e servir como plataforma de relacionamento em que tanto os cegos, quanto voluntários, se encontrem para ir aos jogos do Mengão.

A campanha se baseia no projeto de lei Nº 837/2011, que garante a gratuidade para cegos e acompanhantes não-deficientes frequentarem eventos esportivos e culturais no Estado do Rio de Janeiro. Por meio do site www.paixaocega.com.br, acessível via desktop e mobile para não-deficientes e deficientes, o sistema listará e combinará entre si os cadastros de torcedores de ambas as categorias para realizar o encontro para os jogos.

 A plataforma estará disponível por tempo indeterminado para contemplar o maior número de envolvidos e, para garantir a segurança dos deficientes, exigirá cadastro completo de todos os interessados.

 “Comparecer a um estádio num jogo do Flamengo é uma experiência única e mágica, que vai além de visualizar a partida. Há uma corrente de emoção incrível que é intensa e perceptível para todos, incluídos aí os deficientes visuais. Nossa ideia é criar um meio de facilitar e estimular a presença do deficiente visual e dar a ele a chance de fazer uma das coisas mais importantes na vida de um rubro-negro: estar com o Flamengo onde o Flamengo estiver”, diz André Lima, sócio e vice-presidente de criação da NBS. Ainda segundo André, todo o trabalho da NBS terá como foco principal a torcida do Flamengo.

O Flamengo já trabalha com a inclusão de deficientes visuais desde o início de 2016 através das redes sociais. Com postagens acompanhadas da hashtag #PraCegoVer, o clube busca a aproximação com essa parcela de torcedores apaixonados.

Paixão Cega é projeto criado por Luiz Cesar Faria Jr. (Steve) e Augusto Correia (Jesus). André Havt como Head of Art e direção de criação de André Lima e Carlos André Eyer.

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP