SNICKERS E O IMPOSTO DE RENDA

0

Hoje é dia de os norte-americanos prestarem contas, de forma online, ao “leão”, o rigoroso fisco dos Estados Unidos, assim como o brasileiro tem que enviar até o final do mês sua declaração anual de renda. Sempre irreverente, Snickers decidiu brincar com a situação colocando em cena, nos meios digitais, divertido vídeo-case assinado pela BBDO New York. Nele, Aimee, uma contribuinte do Arizona teria tentado descontar do imposto a pagar uma barra de chocolate Snickers como despesa do negócio, posteriormente auditada. É que ela precisava de energia para conseguir gerar renda. É tudo muito divertido para fixar o atual slogan de Snickers: “Você não é você quando está com fome: o seu cérebro começa a desligar”.

Snickers tem ao longo do tempo apresentado aos consumidores norte-americanos campanhas sempre criativas e ousadas. Agora, no momento em que os residentes nos Estados Unidos têm que prestar contas com o “leão” cria uma situação no mínimo inusitada de Aimee, uma mulher que, em 2005, teria colocado como despesa do negócio uma barra de chocolate da marca. No valor de US$ 0,89, ela visava descontar a barra de Snickers da sua dívida com o leão.

Num caso divertido, que pode ocorrer de fato, a declaração que fez em 2005 foi auditada, mas quem bancou a restituição nesse divertido vídeo-case foi a própria Snickers. Por sua irreverência, o comercial pode estimular outros norte-americanos, de verdade, a fazerem o mesmo, transformando essa comunicação num bem sucedido case de marketing. Fica a sugestão, de brincadeira obviamente, para os brasileiros que ainda vão enviar suas declarações.

O fisco norte-americano, como o de todo o mundo, incluindo o brasileiro não costuma ter muito humor. O que torna ainda mais brilhante a iniciativa de Snickers. Num mundo onde a comunicação comercial de produtos é cada vez mais similar, a ousadia de Snickers, por meio da BBDO New York, não deixa de ser uma quebra na monotonia.

Compartilhar.

Sobre o autor

Carlos Franco

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP