A TECNOLOGIA A SERVIÇO DA TEMPESTADE DE SHAKESPEARE

0

Em uma ilha distante um homem espera.

Roubado de sua posição, poder e riqueza, seus inimigos o deixaram em isolamento. Mas este não é um homem comum, e esta não é uma ilha comum. Próspero é um mágico, capaz de controlar os próprios elementos e dobrar a natureza à sua vontade. Quando uma vela aparece no horizonte, ele se estende através do oceano até o navio que carrega os homens que o prejudicaram. E, criando uma vasta tempestade mágica, ele destrói o navio e leva seus inimigos até a praia. Quando acordam eles se encontram perdidos em uma ilha fantástica onde nada é como parece.

 

Neste ano em que se completaram 400 anos de sua morte, o escritor e dramaturgo bretão William Shakespeare foi homenageado pela Royal Shakespeare Company de uma forma inusitada e surpreendente fruto de parceria com a Intel e The Imaginarium Studios que resultou numa nova e inovadora produção de “A Tempestade” (“The Tempest” em inglês). A atuação dessa imaginativa obra usa a mais recente tecnologia para trazer uma nova experiência para frequentadores de teatro e novas audiências. A obra fica em cartaz no famoso palco de Stratford-Upon-Avon, cidade de Shakespeare, até 21 de janeiro e ganha chamadas nos cinemas do Reino Unido a partir do dia 11 de janeiro, chegando a Londres para uma temporada no Barbican Theatre London, de 30 de junho a 18 de agosto de 2017.

A tecnologia desenvolvida pelo The Imaginarium Studios, que é equipada com os processadores da Intel, utiliza tecnologia de captura de atuação que renderiza um personagem digital – Ariel, o espírito – ao vivo no palco do Royal Shakespeare Theatre. Esta renderização de um ambiente digital completo – neste caso um avatar em tempo real – elimina a necessidade de produzi-lo antecipadamente para projetá-lo no palco. Ao mesmo tempo, ela melhora a atmosfera espontânea de uma atuação ao vivo.

A tecnologia trabalha ao capturar os movimentos e as expressões faciais do ator para garantir que toda a atuação dele seja traduzida em um personagem digital – usada popularmente em filmes e jogos. A RSC, a Intel e The Imaginarium Studios realizaram pesquisas por mais de um ano para dar vida aos avatares no palco em tempo real, interagindo ao vivo com os atores.

Dirigida pelo diretor artístico da RSC Gregory Doran, com o artista associado da RSC Russell Beale como Próspero, e projetada pelo diretor de design da RSC Stephen Brimson Lewis, esta parceria verá as habilidades de criação de peças da RSC se unir à inovação digital da RSC e à experiência da Intel para ampliar as barreiras técnicas a fim de criar uma produção para a nova geração.

Penny Baldwin, vice-presidente do Grupo de Marketing e Comunicações Globais e gerente geral de Marca, Reputação e Marketing para parceiros da Intel, explicou que “Na Intel, estamos empolgados para usar a nossa tecnologia e adicionar uma dimensão extra a uma tradição cultural tão rica quanto o teatro. Por meio desta colaboração com a RSC e The Imaginarium Studios, estamos unindo o melhor do teatro com a tecnologia inovadora para fornecer uma experiência incrível para o público”.

“Juntos, criamos uma interação humana-digital que parece ‘viva’, envolvendo a audiência em um ambiente ao vivo, com uma companhia de teatro que sempre esteve na vanguarda do experimento radical”.

Gregory Doran, diretor artístico da RSC, disse: “Fiquei inspirado pelos mais recentes mecanismos de palco e efeitos de iluminação empregados nos masques jacobinos do século XVII e comecei a pensar sobre o tipo de teatro que Shakespeare poderia querer criar se estivesse vivo hoje. Graças à extraordinária inovação e imaginação das equipes da RSC, Intel e The Imaginarium Studios, acreditamos ter criado uma experiência de teatro única, que combina nossas habilidades de teatro com a tecnologia de ponta para dar ao nosso público algo extraordinário para marcar os 400 anos de Shakespeare e trazer seu trabalho para toda uma nova geração”.

Ben Lumsden, chefe de estudio da The Imaginarium Studios, disse: “Estou totalmente empolgado por trabalhar com o Greg, a RSC e a Intel. Compartilhamos os mesmos valores de desempenho, textos e história estando no coração do que fazemos. Esta produção de ‘A Tempestade’ é diferente de tudo já feito antes no teatro”.

Sobre a Royal Shakespeare Company
A The Royal Shakespeare Company cria o que há de melhor em teatro, feito em Stratford-upon-Avon e compartilhado ao redor do mundo. Produzimos um programa artístico inspirador a cada ano, definindo Shakespeare em contexto, ao lado do trabalho de seus contemporâneos e escritores de hoje.

Todos na RSC – dos atores a armeiros, músicos a técnicos – desempenham um papel na criação do mundo que você vê no palco. Todas as nossas produções começam em nossas oficinas e teatros de Stratford e as trazemos para o público mais amplo possível por meio de nossas turnês, residências, transmissões ao vivo e atividades online. Assim onde quer que você experimente a RSC, você experimenta o trabalho feito na cidade natal de Shakespeare.

Nós treinamos gerações dos melhores criadores de teatro e continuamos a nutrir o talento do futuro. Nós incentivamos todos a desfrutarem de um relacionamento ao longo da vida com Shakespeare e o teatro ao vivo. Alcançamos 530.000 crianças e jovens anualmente por meio do nosso trabalho educativo, transformando suas experiências nas salas de aula, em atuações e online. Fundo de caridade registrado com o nº 212481 www.rsc.org.uk.

Sobre The Imaginarium Studios
The Imaginarium Studios é uma das principais empresas de produção e estúdios de captura de atuações do Reino Unido. Utilizando as mais recentes técnicas e tecnologias para a captura de atuações do mundo, como VFX e animação em tempo real, o portfólio de produção da Imaginarium Studios integra filmes, televisão, videogames, vídeos musicais, teatro e aplicativos digitais, incluindo realidade virtual e mista.

Sobre a Intel
A Intel (NASDAQ: INTC) expande as fronteiras da tecnologia para criar as mais incríveis experiências. Informações sobre a Intel podem ser encontradas em intel.com.

 

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.