UM RIO INTERNATIONAL CELLO

0

Criado em 1994 com o objetivo de popularizar a música clássica, o Rio International Cello Encounter chega à sua 21ª edição oferecendo, até o próximo dia 23, um total de 60 concertos gratuitos em 18 espaços culturais da cidade do Rio de Janeiro, além dos municípios de Barra Mansa e Volta Redonda, no sul fluminense.

 

POR PAULO VIRGÍLIO/Repórter da Agência Brasil

As apresentações de músicos brasileiros e internacionais têm o violoncelo como protagonista, mas muitas vezes em combinação com vários outros instrumentos e numa integração com outras artes, como a dança, a poesia e as artes plásticas.

Na abertura oficial, na noite de ontem, 13, no Espaço Tom Jobim, no Jardim Botânico, zona sul da cidade, o violoncelista David Chew, idealizador do Rio Cello Encounter, recebeu seus colegas de instrumento Dave Haughey e Eugene Friesen e o grupo Choro na Feira. Os músicos fizeram um concerto em celebração aos 450 anos do Rio de Janeiro, reunindo choro e música clássica.

O encontro entre o clássico e o popular já faz parte, há várias edições, do repertório do festival. Nos concertos, o cello contemporâneo convive com o choro, o jazz, o tango e o rock, em programas que reúnem obras de Bach, Brahms, Strauss, Fauré, Villa-Lobos, Piazzolla, Beatles e vários outros compositores.

Além do norte-americano Haughey, David Chew destaca entre as atrações internacionais deste ano o violinista alemão Matthias Jakisic, o duo holandês Ernst Reijseger e Harmen Frannje, o bandoneonista argentino Tito Cartechini e o pianista holandês Gijs Andriesse. Os destaques nacionais ficam por conta do grupo Violoncelos da Unicamp, de São Paulo, da Orquestra Sinfônica de Barra Mansa e da Orquestra de Cordas de Volta Redonda.

Músico inglês radicado no Rio e apaixonado pelo Brasil, Chew criou o Rio Cello como forma de homenagear o maestro e compositor Heitor Villa-Lobos (1887-1959), sua maior inspiração. A exemplo de outros eventos culturais, o Rio Cello enfrentou este ano dificuldades financeiras para sua realização. “Em qualquer crise econômica, cultura e arte sempre sofrem cortes de verbas. O festival tem patrocínio [BNDES], mas depende dos apoiadores e principalmente dos integrantes. Músicos, equipe técnica, produção, é um movimento em torno do Rio Cello para que tudo dê certo”, reconhece, otimista, o idealizador do evento.

Ao longo desses 21 anos, o Rio Cello Encounter foi criando vertentes. Uma delas é o Cello Dance, que está em sua 9ª edição e este ano terá, além das apresentações nas duas semanas do festival, uma programação exclusiva em setembro, no Centro Cultural Correios. O Cello Dance reúne músicos e bailarinos de formação clássica, moderna e contemporânea em coreografias criadas especialmente para o evento.

A outra vertente é o Cello Tinta, projeto que abre espaço à criatividade das crianças das comunidades cariocas. Em sua quarta edição, o Cello Tinta conta este ano com a participação do músico escocês Charles Watson, que vai ministrar oficinas de arte na Vila Olímpica da Maré, no Pavão Pavãozinho e no Centro de Referência da Música Carioca, na Tijuca, zona norte do Rio.

Para Chew, a música engloba todas as formas de arte e a novidade este ano fica por conta da poesia. O Cello Poema, no dia 22, às 11h, no Parque Lage, no bairro do Jardim Botânico, vai reunir o poeta João José de Mello Franco e uma orquestra de solistas, tendo como destaque o violonista Jaime Alem.
A programação completa do evento está disponível no site www.riocello.com .

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP