A Cidade Iluminada de Newton Mesquita

0

“É certo que nem sempre ele [o artista]pode mudar tudo. Mas seria isto realmente necessário para a criação de uma obra de arte?
É o que parece querer dizer Newton Mesquita neste momento ao oferecer-nos sem alarde, com rigor e coerência, um gesto claro de amor à Pintura”.

Paulinho da Viola

 
Newton Mesquita é um craque da imagem. Urbana, colorida, com e sem personagens, mas com essa imensa característica que é a de retratar São Paulo. Ele é também um artista que se dá diversas ocupações e atividades nesses 35 anos de carreira: pintor, escultor, desenhista, fotógrafo, artista gráfico, ilustrador, arquiteto e professor. Agora Newton Mesquita traz 15 obras recentes, tinta acrílica sobre tela, para o Espaço Cultural Citi (Av. Paulista, 1111, térreo, fone 11. 4009.3257). Com curadoria de Jacob Klintowitz, a exposição A Cidade Iluminada de Newton Mesquita abre em 5 de novembro, permanecendo até 27 de dezembro.

A exposição dos trabalhos de Newton Mesquita confirma a vocação do Espaço Cultural Citi de exibir obras de arte no centro vital de São Paulo. O corredor que, atravessando o prédio do Citi, liga a Avenida Paulista à Alameda Santos, em meio a um dos mais tradicionais ícones da cidade de São Paulo, é visitado mensalmente por cerca de 50 mil pessoas. Entre as últimas exposições realizadas no Espaço Cultural Citi estão as de Ivald Granato, Luiz Paulo Baravelli, Gregório Gruber, Shoko Suzuki, Romero Britto, Rubens Gerchman e Cláudio Tozzi.

Newton Ferreira Mesquita (São Paulo, SP, 1949). Pintor, escultor, desenhista, fotógrafo, gravador, artista gráfico, ilustrador, cenógrafo, professor e arquiteto. Desde 1972, participa de salões oficiais e mostras no Brasil e no exterior: Nova York, Barcelona, Buenos Aires, Hong Kong, Tóquio, Tel Aviv, Montevidéu, entre outras. A partir de 1977, seu trabalho esteve em dezenas de exposições individuais em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Brasília, Curitiba, Salvador e muitas outras cidades do país. Empresas como Varig, Unibanco, IBM, Bolsa de Valores de São Paulo, Caixa Econômica Federal, Pirelli, entre outras, possuem seus trabalhos. Possui trabalhos em importantes coleções particulares no Brasil e no exterior, além dos museus MAB de SP, MAM de SP, MASP, Pinacoteca de São Paulo e Galeria Degli Uffizzi de Florença.

O Espaço Cultural Citi fica aberto para visitação de segunda a sexta-feira, das 9 às 19 horas; aos sábados, domingos e feriados, das 10 às 17 horas. Acesso a portadores de deficiência física pela Alameda Santos, 1146. A entrada é gratuita.

 

Na clara tarde um banco na praça, por Jacob Klintowitz

Os tons dourados envolviam a cidade como um manto. Cobre abandonado ao relento. Uma face desconhecida do nosso sol. Tudo estava imóvel e o nosso horizonte era unicamente o  que os nossos olhos abarcavam, esta onírica cidade feita de ouros. Esperávamos por ela há tanto tempo, por esta cidade tão real a ponto de ser sonhada.

Alguns de nós, talvez, ainda estejamos imersos na cidade vermelha, na cidade amarela, no trecho azulado de uma rua, nas imagens simples da pequena vida, uma banca de jornal, um comerciante que fecha a loja, um homem que olha as revistas, um banco de praça. Ou no interior de uma casa onde alguém terá organizado uma mesa de canto e um vaso de flores. Luzes douradas, azuis, vermelhas, cálidas flores no vaso, o entardecer do lojista. Vestígios.

Há vários anos eu fui Curador de uma grande mostra sobre o tema da reciclagem, no Jardim Botânico, Rio de Janeiro. O trabalho mais despojado era do artista Newton Mesquita: um tradicional banco de praça de madeira e algumas garrafas vazias ao seu pé. Por lá teriam passados pessoas, muitas teriam bebido e sentido os rompimentos, as perdas, o que poderia ter sido e não foi. Se juntas, teriam conversado e, quem sabe? uma delas teria dito, “…eu não sou isto, já tive uma situação…”. Não sabemos, mas sentíamos que por ali passaram homens com uma história na alma.

Esta brilhante exposição do pintor Newton Mesquita me evoca uma cena imaginária e que, para mim, o identifica. Há uma praça e nesta praça um banco tradicional de madeira. E neste banco está sentado um homem alto e magro, os braços sobre o encosto. Ele está quieto e olha. A cada momento o sol desenha uma cidade diferente e as pessoas percorrem o seu circuito. Lá está este homem magro e quieto, e o seu desenho também é cambiante conforme as horas do dia. Ele somente olha. É a testemunha.

A pintura de Newton Mesquita é de uma objetividade notável. Ela é substantiva, qualidade que encontramos em toda pintura de alta linhagem. O artista cria uma realidade e ela se apresenta diante de nós, já desligada e independente da origem. É um ser espiritual e podemos dialogar com ela.

Certamente verificamos constantes temáticas, um método de ver e fazer, uma certa atmosfera, alguns sentimentos recorrentes. E desta maneira sabemos que estes trabalhos foram feitos por um artista chamado Newton Mesquita. Em que outra pintura encontraríamos, juntos, este marcado sentimento de solidão e esta doce solidariedade ?

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP