CACHAÇA MIDDAS FAZ SUCESSO NA CHINA

0

Sem dúvida, a Middas Cachaça começou 2016 com o pé direito. Isso porque a marca acaba de receber duas importantes premiações mundiais. A bebida foi agraciada com a medalha de ouro e troféu de destilado do ano no CWSA – China Wine & Spirits Awards 2016 – maior e mais prestigiada competição de vinhos e destilados da China. Este reconhecimento é o mais importante aval de qualidade e adequação para o mercado chinês.

O júri foi composto por 100 juízes cuidadosamente selecionados, sendo os principais compradores da China de vinhos e destilados, como importadores, distribuidores, varejistas e sommeliers.

 “Estamos muito felizes em conquistar o mercado asiático com um produto genuinamente brasileiro como é a cachaça. Esta bebida avança a cada dia no caminho da sofisticação e do requinte. Prova disso, é a Middas, que desbancou importantes destilados como a vodca, rum e uísque, além do tradicional conhaque francês”, comemora o CEO da Middas, Leandro Dias.

A Cachaça Middas, produzida em Dracena, interior de São Paulo, fica armazenada por dois anos em tonel de madeira de amendoim do campo. Considerada a rainha das madeiras brasileiras, realiza o verdadeiro envelhecimento: revela e acentua as virtudes da cachaça, exibindo a sua verdadeira alma. A cor permanece praticamente inalterada e o aroma e gosto da cachaça são preservados, porém, baixando a acidez e mantendo a personalidade da bebida.

A Middas vem acompanhada de um frasco contendo flocos de ouro comestível de 23 quilates vindos da Alemanha, o que permite ao consumidor dar o seu próprio toque à bebida, colocando a quantidade de flocos que preferir na cachaça.

 

O empreendedor Leandro Dias, CEO da marca Middas, foi responsável pela idealização do produto. Todo o processo de produção é embasado em pesquisas científicas realizadas pelo doutor Leandro Marelli, pós doutor em Tecnologia de Bebidas pela USP, e aplicados no alambique pelo Master Distiller André Fioravanti, responsável pela produção da cachaça.

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP