DIÁRIO DO GOLPE: DILMA, UMA MULHER HONESTA NO COVIL DOS GOLPISTAS

0

Por Carlos Franco

A presidenta eleita do Brasil, Dilma Rousseff, mais uma vez se sentará hoje como réu no covil de golpistas. Sua presença no Congresso Nacional marca o ritual do golpe de Estado em curso, mas, com a mesma coragem com que enfrentou os golpistas militares nos idos dos anos 1960, enfrentará os golpistas de hoje, deixando o seu nome, mais uma vez, na história daqueles que acreditam e apostam no Brasil e nos brasileiros.

Não estará sozinha, levará na sua bagagem o voto de mais de 54 milhões de brasileiros que a elegeram em outubro de 2014. São esses votos da maioria de nós, brasileiros, que uma minoria representada por senadores sem escrúpulos – a maioria deles respondendo aos mais diferentes processos na Justiça, inclusive os de crime eleitoral – querem cassar num rito que caracteriza um golpe de Estado, agora com transmissão ao vivo e a cores pelas redes de televisão.

E é golpe de Estado porque a definição deste ato é muito clara e não deixa margem para dúvidas de que são golpistas aqueles que o defendem, senão vejamos o que dizem os dicionários diante da etimologia desta expressão que senadores visam transformar em realidade com seus atos, alguns, como Cristovam Buarque, recorrendo ao cinismo para explicar o nada nobre gesto:

Golpe de Estado, também conhecido internacionalmente como Coup d’État (em francês) e Putsch ou Staatsstreich (em alemão), consiste na derrubada ilegal, por parte de um órgão do Estado, da ordem constitucional legítima. Os golpes de Estado podem ser violentos ou não, e podem corresponder aos interesses da maioria ou de uma minoria.

 

 

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP