Festa na cidade satélite

0

Morillo Carvalho
Repórter da Agência Brasil

Foto de Elza Fiúza/ABr

Ceilândia (DF) – Em uma casa simples de Ceilândia, cidade satélite do Distrito Federal, o clima é só de festa. Muitos parentes e amigos comemoram a vitória da judoca Ketleyn Quadros sobre a australiana Maria Pekli, que lhe rendeu um bronze em Pequim.

Foi em Ceilândia que a atleta, primeira medalhista desta edição dos Jogos Olímpicos e primeira mulher brasileira a levar uma medalha individual em toda a história das Olimpíadas, viveu a maior parte de sua vida. A avó, os tios, a irmã e um de seus primeiros treinadores não conseguem descrever a felicidade que sentem pelo título da judoca de 20 anos.

“Nossa Senhora, meu coração está disparado. Hoje eu levantei tremendo. Levantei, não, porque não dormi nada. Deitei só um pouquinho, mas fiquei pensando que ela ia lutar às 6 horas da manhã e não consegui. Estou emocionada até agora com a minha neta”, dispara a avó, Marilda Oliveira, antes de qualquer pergunta.

Aos 80 anos, foi ela quem tomou conta de Ketleyn durante a infância e parte da adolescência. A mãe, cabeleireira, não podia acompanhá-la naquela fase, mas agora está em Pequim. “Ela fazia força de lá e eu de cá”, continua Marilda, sobre a primeira luta da neta hoje – o embate foi com a japonesa Aiko Sato. Ketleyn venceu por ippon, deixou a adversária no chão (ela teve que sair sobre uma maca), e pôde disputar o bronze.

Força, aliás, é uma das características de Ketleyn que mais chamaram a atenção de quem a treinou. Robert Marques foi seu professor por seis anos e assegura: a judoca tem uma capacidade incomum. “Ela é muito forte e muito determinada. Já podíamos notar que ela tinha um potencial diferente. Em Pequim, ela conseguiu pegar adversárias fortes, e aquelas adversárias fortes ela movimentava, procurando sempre a técnica perfeita”, detalha o ex-treinador.

A atleta descobriu o judô aos sete anos. Aliás, não só o judô, mas os esportes: começou na natação e no atletismo, e foi seduzida pela modalidade no intervalo entre os que já praticava. O número de medalhas e troféus ainda não foi calculado. A família os expõe na garagem da casa – onde também funciona um salão de cabeleireiro.

Na adolescência, a judoca quase foi modelo. “Ela fez uma tentativa na carreira de modelo. A mãe dela cuidava, e ela já desfilava em algumas passarelas. Chegaram, inclusive, a fazer alguns investimentos – a mãe é muito dedicada. Mas ela se dedicou mais ao lado esportivo, e conseguiu o auge no judô”, relata o tio, Milton Lima, irmão da mãe de Katleyn.

Quem gostou foi o antigo treinador Robert Marques. “Ainda bem que não deu certo, senão eu nem teria conhecido ela, porque eu não treino modelo”, brinca. E conta, ainda, que não eram só as passarelas que a assediavam: as pistas de saibro também. “Ela tentou essa carreira [de modelo], alguns professores do atletismo também tentaram levar ela para o atletismo, porque ela tinha um vigor físico invejável.”

A determinação de Katleyn, que conseguiu engrenar no esporte com muita dificuldade – em Brasília, demorou para conseguir patrocínio, e, com a evolução dos treinamentos, ela foi morar em Belo Horizonte (MG) onde passou a contar com o auxílio – agora inspira a irmã mais nova, a estudante do 8º ano do Ensino Fundamental, Aline Oliveira.

“Ela sempre foi um exemplo para mim. Sempre fomos amigas. Talvez eu volte para o judô, mas não é certeza. Não sou tão boa quanto ela”, admite.


 

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP