L’ORÉAL E UNESCO LANÇAM MANIFESTO POR MULHERES NA CIÊNCIA

0

Cinco importantes mulheres cientistas e 15 promissoras jovens pesquisadoras foram homenageadas na noite do último dia 23 na Maison de la Mutualité, em Paris. Irina Bokova, diretora geral da UNESCO, e Jean-Paul Agon, presidente e CEO da L’Oréal e presidente da Fundação L’Oréal, aproveitaram a oportunidade para lançar o Manifesto For Women in Science (Para Mulheres na Ciência). Já assinado pelos convidados presentes à cerimônia, este Manifesto visa combater a sub-representação das mulheres no campo das ciências. Ele também está disponível aqui  para que todos  possam apoiar a causa. 

 

UM COMPROMISSO DE LONGO PRAZO PARA EMPODERAR AS MULHERES NA CIÊNCIA 

Nos últimos 18 anos, o programa L’Oréal-UNESCO For Women in Science incentivou, promoveu e homenageou mulheres cientistas de todo o mundo.  No entanto, a situação atual indica que ainda há muito a ser feito. No fim da cerimônia de premiação desse ano foi lançado o Manifesto For Women in Science: uma campanha que visa engajar a comunidade científica e o público em geral para acelerar o ritmo de mudança para as mulheres na ciência.

“O nosso mundo em mudança nunca precisou tanto de mulheres e de suas descobertas. Com o programa For Women in Science, a Fundação L’Oréal está comprometida em promover estas mulheres na ciência, que mudarão o mundo. Estamos determinados a lutar pela ciência e a construir um mundo mais belo, juntos”, declarou Jean-Paul Agon.

UMA AMBIÇÃO EXPRESSA EM UM MANIFESTO 

Jean-Paul Agon, Irina Bokova, e a presidente do júri deste ano, a já premiada e vencedora do Prêmio Nobel, Elizabeth Blackburn –  já assinaram o Manifesto, juntamente com as cientistas premiadas de 2016 e os convidadosda cerimônia. O objetivo é  assegurar a visibilidade e o apoio público, para que todos os envolvidos possam trabalhar juntos para a igualdade de gêneros nas ciências.

OS SEIS COMPROMISSOS DO MANIFESTO #FORWOMENINSCIENCE 

1/ Incentivar as meninas a explorarem caminhos de carreira científica

2/ Quebrar as barreiras que impedem que mulheres cientistas sigam longas carreiras em pesquisa

3/ Dar prioridade ao acesso das mulheres a cargos e posições de liderança nas ciências

4/ Comemorar com o público em geral a contribuição que as mulheres cientistas fazem ao progresso científico e à sociedade

5/ Garantir a igualdade, através da participação e liderança em simpósios e comissões científicas, tais como conferências, comitês e reuniões de conselho

6/ Promover orientação e networking para jovens cientistas, para capacitá-las a planejar e desenvolver carreiras que atendam suas expectativas

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.