NO RIO, UM ATO DENUNCIA A CULTURA DO ESTUPRO

0

A ONG Rio de Paz promoveu ontem, domingo, 5, na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, ato público contra o abuso sofrido pelas mulheres e a cultura do estupro que ameaça a vida de todas. Durante a manifestação 420 calcinhas estendidas representaram o número de homens que estupram mulheres a cada 72 horas no Brasil.

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.