AL GORE GANHA NOVO LEÃO EM CANNES

0

A organização do Festival Internacional de Criatividade de Cannes anunciou hoje  que o ex-vice-presidente dos EUA, Al Gore, será homenageado com o Prêmio “Cannes LionHeart”, na edição deste ano da premiação. Al Gore foi o primeiro ganhador do Green Lion, conquistado em 2007 no calor do lançamento, no ano anterior, de seu prestigiado documentário “Uma verdade inconveniente” (An Inconvenient Truth). 

Lançado no ano passado, o “Cannes LionHeart” é um prêmio honorário, oferecido a um indivíduo que, por meio da utilização inovadora do poder da marca comercial, fez uma diferença significativa e positiva para as pessoas ou para o planeta.

Terry Savage, chairman do Lions Festivals, elogiou as “tantas realizações” de Gore, “particularmente sua devoção em resolver a crise climática global”.

Gore é co-fundador e presidente da Generation Investment Management. Ele também é sócio sênior da Kleiner Perkins Caufield & Byers, e membro do conselho de administração da Apple. Apesar de tantas funções, o homenageado com o LionHeart deste ano passa a maior parte do seu tempo como presidente do “The Climate Project Reality”, uma organização sem fins lucrativos dedicada a resolver a crise climática.

Gore, co-laureado com o Prêmio Nobel da Paz de 2007, foi empossado como o 45º vice-presidente dos EUA em 20 de janeiro de 1993, e permaneceu no cargo por oito anos durante o governo do democrata Bill Clinton.

Durante o Cannes Lions, Al Gore também vai participar do “Cannes Debate”, com Martin Sorrell, na sexta-feira, dia 26 de junho, para conversar sobre as questões climáticas e o papel da comunicação em torno das políticas e campanhas ambientais.

Al Gore será homenageado no sábado, 27 de junho.  No ano passado, Bono Vox levou o primeiro Cannes LionHeart, mas Al Gore agora tem dois leões.

Share.

About Author

Comments are closed.