BRASILEIROS DE MALAS PRONTAS

0

Pesquisa Catho mostra que o brasileiro está disposto a mudar de estado e até de país para garantir uma melhor qualidade de vida e melhores salários.

83,5% dos profissionais brasileiros aceitariam mudar de estado por trabalho

Dados da nova Pesquisa dos Profissionais Brasileiros da Catho mostram que 83,5% dos profissionais brasileiros aceitariam mudar para um outro estado do país em decorrência de uma proposta de trabalho. Desses, 41,6% aceitaria mediante promoção, 36,9% se representasse uma boa oportunidade de desenvolvimento, mesmo que sem a promessa de uma promoção e 5% aceitaria mesmo sem nenhum outro benefício associado.

Dos respondentes, 16,6% não aceitaria uma mudança de estado sob nenhuma condição. Esse número aumentou consideravelmente no último ano, já que na pesquisa de 2013 o número era de apenas 10,5%.

p9
p9

Já quando o assunto é a mudança de país, os números são um pouco diferentes. 76% dos profissionais brasileiros aceitariam morar no exterior por uma proposta profissional. Sendo que 34,2% aceitaria se representasse uma boa oportunidade de desenvolvimento, mesmo que sem a promessa de uma promoção, 33,2%  aceitaria mediante promoção e 8,5% aceitaria mesmo sem nenhum outro benefício associado.

24% dos entrevistados não aceitaria mudar de país sob nenhuma condição. Olhando a série histórica, a tendência de diminuição na intenção de mudança se mantêm, já que em 2013 17,8% não moraria no exterior por questões profissionais.

p9
p9

Pesquisa Catho

A Pesquisa dos Profissionais Brasileiros – Um Panorama sobre a Contratação, Demissão e Carreira dos Profissionais é uma publicação da Catho, site de empregos líder no Brasil, desde 1988. Originalmente lançada a cada dois anos, passou a ser anual em 2013.

O levantamento de 2014 contou com 26.459 respondentes de todo o Brasil. Do total de respondentes, 65% estão empregados; sendo que 35,9% são de grandes empresas (com mais de 500 funcionários). A pesquisa foi feita no período de 16 a 31 de março de 2014.

Compartilhar.

Sobre o autor

Carlos Franco

Comentários desativados.

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   HP0-S42   70-483   101   000-080   1z0-434   CCA-500   CAP   1Z0-804   220-802   70-483   SY0-401   70-980   300-101   c2010-652   ICGB   1Z0-144   101   70-533   000-017   1Z0-060   640-916   9L0-012   MB2-704   9L0-066   2V0-621D   1Z0-144   1Y0-201   74-678   EX200   70-483   700-501   210-260   200-310   100-105  , JK0-022   350-080   300-070   CISSP   810-403   CAS-002   300-206   200-101   OG0-093   000-104   MB6-703   CISSP   1Z0-144   070-461   1Z0-060   SSCP