GIORGIO ARMANI ANUNCIA FIM DO USO DE PELES DE ANIMAIS

0

Giorgio Armani anunciou ontem, 22, que a partir do próximo ano não irá mais fazer uso de peles de animais em suas coleções. Esta é uma importante vitória de organizações não-governamentais como PETA e de todas aquelas, que ao redor do planeta, defendem os animais. De acordo com a nota divulgada pela poderosa grife do mercado de luxo, a evolução de tecnologia na produção de não-tecidos e de similares às peles, de excelente qualidade, aceleram o processo. A expectativa é a de que o movimento de Giorgio Armani seja seguido de perto por outras grifes do mundo do luxo, que ainda consomem peles de diversas animais na produção de calçados e acessórios. Da mesma forma, Armani numa guinada importante, vai jogar seu foco nas questões ambientais, atendendo claramente o apelo de consumidores que querem ver suas marcas mais engajadas nas questões sociais. Num mundo que globalizou a informação tornou-se instrumento importante e acessível e tais práticas não mais combinam com a beleza e o bem estar que as grifes de luxo sempre tiveram como foco. Um tapa de pelica, desta vez sintética, nas práticas arcaicas da moda. 

Compartilhar.

Sobre o autor

Comentários desativados.