Cresce a circulação de jornais

0

O Instituto Verificador de Circulação (IVC) aferiu evolução de 6,5% na circulação dos jornais filiados à entidade em 2006 sobre mesmo período anterior. Foi o terceiro ano consecutivo em que o meio jornal apresentou alta, caracterizando tendência positiva para o mercado brasileiro. Em 2006, o bom resultado foi motivado por reformulações de conteúdo, novos cadernos, lançamentos de promoções e consolidação de jornais com preços mais acessíveis à população, além da melhoria da conjuntura econômica do País.

A Associação Mundial de Jornais (WAN, na sigla em inglês) divulgou levantamento que aponta crescimento médio de 2,36% na circulação dos jornais em todo o mundo, no ano de 2005 (últimos dados fechados). O estudo também indica que, no período entre 2001 e 2005, o aumento chega a 9,95%.

Embora os números sejam animadores no Brasil, o mercado poderia ter demanda muito maior. A WAN pesquisa a leitura de jornais no mundo, apurando a proporção da circulação média/população adulta. Segundo o ranking elaborado pela entidade, o Japão lidera, com 633,7 cópias de jornal por mil habitantes. No Brasil, o índice é de 45,3 cópias por mil habitantes. Nesse contexto, ainda existe muito espaço para crescimento do meio jornal, principalmente, quando comparado com o mercado de países mais desenvolvidos.

No Brasil, de acordo com dados da Associação Nacional de Jornais (ANJ), a venda diária de jornais chega a 7,230 milhões de exemplares, sendo que cerca de 50% são aferidos pelo IVC.

 

 

 

Share.

About Author

Comments are closed.