CRISTIANO RONALDO BATE UM BOLÃO PELA DOAÇÃO DE SANGUE

0

O sangue é um elemento essencial para a vida, mas muita gente não pensa sobre isso até que uma necessidade se torne crítica. A cada ano, 234 milhões de cirurgias sérias são realizadas no mundo, muitas delas envolvendo transfusões de sangue ou tratamentos que resultam em uma necessidade contínua de doações. Foi por isso que a Abbott e a estrela do futebol Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, estão fazendo uma parceria para atrair ainda mais a atenção para essa causa importante. Considerado um dos melhores jogadores de futebol do mundo, Ronaldo será o primeiro embaixador global do movimento #BeThe1Donor, desenvolvido para inspirar os jovens de todo o mundo a doar sangue regularmente.

“Todos nós podemos causar um impacto positivo ao doar sangue. Cada doação pode beneficiar três pessoas em situações de emergência e ajudar em tratamentos médicos de longo prazo”, disse Cristiano Ronaldo, atacante do Real Madrid e capitão da seleção de futebol de Portugal. “É por isso que fiquei entusiasmado com essa parceria com a Abbott, que visa despertar a conscientização sobre a importância da doação de sangue e encorajar pessoas em todo o mundo a se tornarem doadoras de sangue permanentes e ajudar a salvar vidas”.

Como doador habitual, Ronaldo entende a importância da doação de sangue. Ele doou sangue pela primeira vez quando viu o filho de um companheiro de equipe doente, precisando de uma doação. Desde então, ele continuou a doar regularmente e evitar quaisquer atividades que o impeça, mesmo que temporariamente, de fazer a doação.

Embora 108 milhões de doações sejam coletadas todos os anos, apenas uma fração da população mundial de 7 bilhões de habitantes fazem doações. Para as pessoas que precisam de transfusão, a necessidade é ainda maior, porque o sangue tem uma vida útil curta e sua validade pode expirar. Um suprimento adequado e confiável de sangue só pode ser assegurado através de uma base estável de doadores de sangue regulares, voluntários e não pagos.

Como líder global em doenças infecciosas e diagnósticos, a Abbott tem instrumentos de teste que fazem a triagem de mais de 50% do suprimento mundial de sangue. Graças a uma seleção cuidadosa de doadores e de testes, milhões de pessoas recebem transfusões de sangue com segurança, todos os anos. Através de seu Programa de Inspeção Global (Global Surveillance Program), a Abbott trabalha para manter o suprimento de sangue seguro, ao identificar continuamente novos vírus e doenças, bem como estirpes recém-emergentes de HIV, Hepatite B e Hepatite C, a fim de incorporar a detecção de tais vírus no processo de triagem do sangue.

Share.

About Author

Comments are closed.