De corpo inteiro

0

Paulista de Santa Rita do Passa Quatro, Ana Paula Junqueira é a nova cara do jet set brasileiro, glamoroso e engajado. Presença certa nas melhores festas do globo e amiga de nomes como o príncipe Andrew, da Inglaterra – o qual recebeu pessoalmente em sua casa –, Bill Clinton e Al Gore, Ana carrega em sua bagagem muito mais que o título de secretária da ONU no Brasil.

Em entrevista exclusiva para a RG Vogue, Ana Paula Junqueira contou detalhes de sua vida para a jornalista Carolina Overmeer, num papo regado a champanhe rosé no bar do hotel Berkeley, em Londres.

Uma socialite filantropista, engajada a causas humanitárias e ambientais, Ana tem diploma italiano de especialização em Ciências Políticas e já concorreu aos cargos de deputada federal e estadual no Brasil. Conta também que ocupa, atualmente, uma série de funções importantes, entre eles a de secretária geral da Associação das Nações Unidas Brasil (Anubra), braço da ONU no País, a presidência da liga das mulheres eleitoras do Brasil (Libra-SP) e a diretoria do Museu Brasileiro de Escultura (MuBE).

Companheira do milionário empresário sueco Johan Eliasch, dono da marca de artigos esportivos Head, ela freqüenta o pequeno mundo de poderosos e celebridades com absoluta desenvoltura. Engajada e jet setter, ela atravessa oceanos a bordo de jatinho particular com freqüência e passa as férias do verão europeu a bordo do seu próprio barco no Mediterrâneo. Barco este que serviu de cenário em Saint Tropez para o ensaio com o cantor e fotógrafo Bryan Adams.

Ana e Bryan se conhecem há alguns anos, trocam telefonemas e saem, volta e meia, em Londres, onde moram. “Everything I do (I do it for You)”, tema do filme Robin Hood, aliás, foi uma sugestão da própria Ana.

Ela conversa com Bill Clinton e Al Gore com a mesma naturalidade que toma um chá com um primo na fazenda. “Estou habituada à conviver em meios diferentes, não faço mais distinções hierárquicas entre eles”, confirma.

Os títulos a incomodam um pouco: “Não gosto de ser tachada como socialite. Muita gente acha que a minha vida se resume ao glamour de viagens e às festas, poucos sabem das ações políticas e humanitárias com as quais estou envolvida”, diz.

Após uma sucessão de relacionamentos poderosos, hoje vive uma relação sólida com o sueco Johan Eliash, secretário do tesouro do Partido Conservador inglês e empresário muito bem-sucedido em diversas áreas, especialmente no ramo de brands esportivos – já foi acionista da Adidas e atualmente é dono da Head (que fabrica raquetes entre outros materiais para tênis). A dupla se conheceu há cinco anos durante um jantar em Saint Tropez. Quando o assunto é ele, Ana não poupa elogios. “Com ele realmente entendi  a frase ‘os  opostos se atraem’. Johan acrescentou muito à minha visão de mundo com o seu jeito mais frio de ver as coisas, Sou brasileiríssima, muito emocional e Johan me fez olhar a big picture. Formamos um bom team”.

Juntos, os dois atuam em parceria no projeto pela criação de um programa ambiental interessante para o WFUNA (World Federation of the United Nation Associations). Segundo Ana Paula, o WFNUA é um órgão que tem como objetivo fazer com que empresas de todo o mundo adotem um código de comportamento unificado em relação ao meio ambiente. ”Já temos muita gente importante envolvida, as chances de dar certo são grandes”, avalia.

Uma baladeira que costuma arrastar sua turma de amigas pelas boates de Saint Tropez, a esportista que cuida do corpo com a mesma intensidade que pratica filantropia, uma exímia apreciadora de moda, linda, bem-humorada, expert em conhecer pessoas e colocá-las umas com as outras e uma mulher de pique quase inesgotável. Ana Paula Junqueira é isso.

Resumindo, para conhece-la assim, sob todas as facetas, só na RG Vogue!

 

 ~eos  aceVlLes apemuitottiáriaw  ein pa O cartão de crédito Citi Max, do Citi, oferece um pacoate único de serviços e benefícios para o consumidor moderno. Com a assinatura “Citi Max. Sua vida elevada ao máximo”, a campanha de marketing entrou no ar no dia 21 de agosto nas principais emissoras de tevê do país (canais abertos e por assinatura), no cinema, em revistas e na web.

 Inovador, o Citi Max, lançado pelo Citi, é um cartão de crédito destinado a consumidores com estilo de vida moderno, que valorizam produtos e serviços alinhados a um perfil de consumo diferenciado. O Citi Max integra de forma única no mercado três pilares de benefícios e serviços: Max Descontos, Max Crédito e Max Privilégios, que podem ser traduzidos em promoções exclusivas; taxas, limites e linhas de crédito flexíveis; e condições diferenciadas para a aquisição de ingressos. O Citi Max apresenta, ainda, uma característica inédita para o segmento — o Cultural Service. Irreverente, a campanha de marketing começou a ser veiculada no dia 21 de agosto nas principais emissoras de tevê do país (canais abertos e por assinatura), no cinema, em revistas e na web.
 
O novo produto atenderá a clientes que possuem um perfil de consumo específico, ou seja, consumidores formadores de opinião e que ditam tendências, considerados “early adopters”:  pessoas com idade entre 25 e 45 anos, interessadas em inovações, tecnologia e entretenimento, com renda a partir de R$ 1 mil. Esse segmento passa a contar  com promoções exclusivas — de crédito na fatura a ingressos gratuitos e descontos em lojas, restaurantes e hotéis —, serviço de compra e entrega em domicílio de ingressos de espetáculos no Brasil e exterior, além de assessoria cultural com dicas das melhores atrações em cartaz (Cultural Service) e linhas de crédito especiais. O Citi Max também chega com design em três cores diferentes: roxo, preto e azul. 

Segundo Marcos Almeida, diretor-executivo de Marketing do Citi Brasil, “o Citi Max representa uma inovação no mercado brasileiro de cartões por dispor de um pacote de serviços e benefícios estruturados para atender a um segmento específico de clientes. Um dos principais diferenciais é o Cultural Service, até então uma exclusividade dos clientes de cartões Premium. O Citi Max é um cartão alinhado ao estilo de vida e ao perfil do consumidor moderno”, afirma o executivo.
 
A campanha
Como um cartão diferenciado requer uma campanha diferenciada, a agência Fallon desenvolveu um conceito criativo de comunicação, inspirado em modernidade e irreverência. Nas campanhas, o Citi Max é o personagem principal da ação, que se materializa nos benefícios oferecidos pelo cartão. Com a assinatura “Citi Max. Sua vida elevada ao máximo.”, a campanha é composta por um filme de 30 segundos e quatro anúncios que destacam os benefícios do produto, associando o Citi Max a promoções, entretenimento e a opções diferenciadas de crédito.
 
Com veiculação a partir do dia 21 de agosto nos canais abertos, por assinatura e no cinema, o filme conta com uma trilha sonora moderna e com imagens estilizadas de cenas criadas a partir do cartão. O plano de mídia também prevê a inserção de anúncios em algumas das principais revistas do país, como Veja, Época e IstoÉ.
 

Share.

About Author

Comments are closed.