NBS RIO+RIO E O MAPA DE NÓS

0

Um estudo detalhado sobre a situação das pessoas com deficiência nas comunidades, realizado por elas mesmas. Esse é o objetivo final do Mapa de Nós, um projeto da NBS Rio+Rio e Desenvolvimento Humano NBS em parceria com a ONG CIEDS (Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável). Mas será muito mais do que isso. A ideia do projeto é, por meio de visitas e entrevistas, chegar a um estudo detalhado sobre as condições, desafios, dificuldades e possíveis soluções para a vida e a carreira de pessoas com deficiências físicas e mentais.

 

Com duração de 15 meses, o grande diferencial é que toda pesquisa e análise serão realizadas por quem mais entende do assunto e vive “na pele” esta realidade: 12 funcionários, com diferentes deficiência foram contratados e treinados pelo Rio+Rio e CIEDS. Durante esta primeira fase do projeto, a pesquisa de mapeamento será realizada em sete comunidades em que exista Unidade de Polícia Pacificadora (UPP): Santa Marta, Providência, São Carlos, Mineira, Borel, Salgueiro e Turano.

“No Mapa de Nós, construiremos coletivamente com pessoas com deficiência um retrato da capacidade laboral desta parcela da população em territórios pacificados. O objetivo principal é que o estudo depois de pronto contribua para que a iniciativa privada entenda melhor o contexto dessas pessoas e assim possa auxiliá-las na hora de inseri-las no mercado de trabalho, dando mais oportunidades para elas”, explica Aline Pimenta, Diretora da NBS Rio+Rio.

Nova forma de atender à lei

O projeto Mapa de Nós surge como uma alternativa encontrada pela agência NBS para atender à lei nº 8.213, que, desde o ano de 1991, obriga todas as empresas com 100 funcionários ou mais a reservar uma cota de vagas para pessoas com alguma deficiência. Em vez de preencher essa cota para a atividade fim da agência, a empresa as contratará para um projeto que não tem relação com a publicidade/propaganda. Uma iniciativa destinada a ajudar empresas e pessoas com deficiência que estejam em busca de trabalhos que tenham mais relação com suas vidas.

“Quando decidimos contratar pessoas com deficiência, visando ao atendimento da lei, buscamos fazer algo diferente e inovador. Encontramos na NBS Rio+Rio a experiência e o sucesso nos trabalhos que já desenvolve junto às comunidades, pois, além de um olhar social, visa gerar um retorno para as empresas. Esperamos que este estudo possa trazer informações importantes para o mercado e abrir mais portas para estes profissionais”, explica Adriana Massari, Diretora de Desenvolvimento Humano na NBS.

NBS Rio+Rio. 

A agência de publicidade NBS inaugurou, em novembro de 2012, um escritório no Santa Marta, primeira comunidade pacificada do Rio de Janeiro. A iniciativa pioneira é a sede da NBS Rio+Rio, negócio social desenvolvido pela agência, cujo objetivo é criar e implementar projetos transformadores de marcas e empresas nas comunidades pacificadas.

Share.

About Author

Comments are closed.