O mundo fashion da Casa do Dragão

0

A responsabilidade social está na ordem do dia em todo o mundo. A moda, constante farol de necessidades, vontades e anseios da sociedade, não poderia ficar de fora. Mais uma vez, o Dragão Fashion Brasil comprova sua capacidade de inovar e usa sua matéria-prima, a moda, para contribuir na formação de uma nova mentalidade de consciência social, através do projeto Casa do Dragão. A madrinha da iniciativa é a primeira-dama do Estado do Ceará, Maria Célia Ferreira Gomes.


O Dragão Fashion Brasil está adotando 19 comunidades, 16 delas do Ceará, dando-lhes oportunidade de divulgar e vender o seu trabalho. Artigos de vestuário e decoração são alguns dos tipos de artesanato que estarão reunidos na Casa do Dragão, uma loja de mais de 2 mil metros quadrados no pavilhão F do Centro de Convenções Edson Queiroz, de 10 a 13 de abril. A concepção e ambientação do espaço são do idealizador e produtor do Dragão Fashion Brasil, Cláudio Silveira.


No entanto, o trabalho não acaba com o fim do evento. A intenção de Cláudio Silveira é manter esse espaço permanente em outro local ainda a ser escolhido. O plano é transformar a casa do Dragão na maior loja de departamentos de artesanato do País, através de parcerias com investidores. “Estamos buscando as nossas raízes e queremos investir na valorização dos produtos da terra e também na geração de receita para esses artesãos”, destaca.


Compromisso, envolvimento e participação fazem parte do projeto. Sem ônus financeiro, as comunidades convidadas recebem orientação de Cláudio para que seus produtos tenham uma produção eficiente e sejam adequados a uma cultura de moda. “A gente quer mostrar que o artesanato não precisa ser caricatural, que pode ser bem feito, moderno, ter visibilidade e retorno de vendas”, explica. Vários dos estilistas do Dragão Fashion também contribuem com a iniciativa.


Dragão Fashion

O Dragão Fashion será realizado de 10 a 13 de abril, no Centro de Convenções Edson Queiroz, em Fortaleza (CE). Nesta oitava edição, a proposta é uma discussão sobre a identidade da criação na moda brasileira, através do tema D.N.A.: Dragão, Nobre Arte.


Serão 30 desfiles com criações de estilistas locais e nacionais, além de outras atrações voltadas para a tradução e união dos conceitos de moda, arte cultura. A abertura oficial para convidados será no dia 9 de abril, com desfile do estilista cearense Mark Greiner, na Praça do Mausoléu Castelo Branco, no Palácio da Abolição, às 19hs.

 

 

Share.

About Author

Comments are closed.