Sol rima com cerveja

0

 Desde a veiculação em rede nacional da última campanha, em 20 de janeiro, a FEMSA Cerveja Brasil tem chamado a atenção dos consumidores com comerciais grandiosos, onde a música é um elemento marcante. Para dar continuidade à campanha de verão e ao conceito musical que embala seus comerciais, a cerveja Sol estréia amanhã, dia 17 de março de 2007, o filme “Rima”.

Criada pela agência Fischer América, a produção de 30 segundos, veiculada nacionalmente em TV aberta e fechada e na rede de cinemas Cinemark, inicia com um rapaz que entra num bar lotado cantando: “Entrei no bar com uma sede federal” e em seguida o coro: “Vamô aí, que Sol tá animal”.Na cena seguinte ele vê a geladeira se abrindo e uma luz intensa ilumina uma garrafa de Sol. Então, ele canta: “E não é que, de repente, recebo um sinal”, o coro completa: “Vamô aí, que essa Sol tá genial”. O rapaz vai afastando as pessoas do seu caminho cantando: “Nem forte, nem fraca, no ponto é ideal”. O coro emenda: “Vamô aí, que ela tá sensacional”. Na próxima cena, ele chega no balcão. O garçom vem com uma Sol geladinha na bandeja e o abridor na mão. O rapaz canta: “Taí que chega a hora  principal” e o coro completa “Vamo aí, abre logo Lorival”.

 Neste momento, a música pára de tocar. O públioc vê um garçom que exclama  com indignação: “Perái, meu nome é Antônio”. O rapaz, então, arremata: “Aí estragava a rima do comercial” e o coro completa: “Vamô aí, abre logo Lorival”. O garçom dá uma risada e abre a garrafa da Sol. Por fim, entra  a assinatura “Sol. Essa vontade é demais” e a obrigatória “Beba com moderação”.

“A música rimada é uma forma de personalizar os nosso comerciais. Estamos otimistas que a música deste novo filme também ficará na cabeça do consumidor e isso contribui muito para a lembrança da marca Sol”, diz Riccardo Morici, diretor de marketing da FEMSA Cerveja Brasil.

Share.

About Author

Comments are closed.