Sprite e uma dose de irreverência

0

“As coisas como são”. É com esse mote, voltado ao público adolescente, que o refrigerante Sprite faz nova investida em campanha publicitária ousada e divertida. São quatro filmes para TV e internet, peças diferenciadas para mídia externa, mensagens especiais para mídia ambiente, ações interativas na MTV e no site da marca (www.sprite.com.br), além de material de ponto-de-venda.

Como o nome sugere, a campanha retrata algumas verdades do dia-a-dia, de forma bem irreverente. A marca aborda temas pouco comuns à sua categoria, com um humor afiadíssimo. E, muitas vezes, ironiza a própria propaganda, como nos filmes “Arroto” e “Ver beber dá sede”.

O VJ e músico João Gordo é o responsável pela locução dos filmes, os quais têm duração de 30 segundos cada. “João Gordo é perfeito para a campanha de Sprite. É autêntico, honesto e original, reconhecido por ‘dizer as coisas como são’, doa a quem doer. Além disso, tem o tom de sarcasmo e ironia que está presente em toda a campanha”, diz em comunicado à imprensa John Pinto, diretor de marketing da Coca-Cola Brasil.

Os filmes para TV foram produzidos pela Ogilvy Argentina e adaptados para o Brasil pela McCann Erickson. Para transmitir o tom de irreverência da campanha, contam ambientação teatral, personagens caricatos e a locução coloquial de João Gordo. Em todos eles, o VJ inicia o texto com “Sprite tem uma coisa pra te dizer”, para em seguida emendar com os argumentos que sustentam as afirmações de cada filme: “Ninguém diz ‘aahhh’ depois de beber” (“Arroto”); “O azar de um pode ser a diversão do outro” (“Desgraças”); “Seu amigo tá a fim de você” (“Ganas”); e “Ver alguém beber dá sede” (de mesmo nome).

Share.

About Author

Comments are closed.