UVA NA LUTA ANTIMANICOMIAL

0

Não é novidade que pessoas com deficiência mental sofrem intenso preconceito no Brasil. Destinado a lutar pelos direitos destes indivíduos, combatendo, por exemplo, a ideia de que não se deve isolar aqueles que sofrem com esse tipo de problema, surgiu o movimento chamado Luta Antimanicomial, em 18 de maio de 1987 – dia que, desde então, passou a ser conhecido como o Nacional da Luta Antimanicomial. Em homenagem a este importante ato para a Psicologia, há 11 anos, a Universidade Veiga de Almeida passou a comemorar a data. A celebração deste ano será realizada nos campi Marapendi, no dia 27 de maio, e Tijuca, dia 29.

 

Assim como o movimento original, a XI Luta Antimanicomial da UVA tem o objetivo de derrubar velhos estereótipos sobre portadores de sofrimento mental. O evento busca desmistificar ideias a respeito destas pessoas e pensar em formas de tratamento que priorizem a integração no ambiente social.

 

No entanto, segundo Aline Drummond, organizadora do evento e coordenadora da pós-graduação em Teoria Psicanalítica e Prática Clínico-Institucional da UVA, vai além disso. “Temos o propósito de divulgar o dia de Luta Antimanicomial, sim, mas também de promover troca de informações sobre o assunto, fomentar o diálogo entre usuários e profissionais da rede de saúde mental e estimular a troca de experiências sobre a formação nos cursos de graduação que abordam esta temática”, afirma.

 

Aline também acredita que, com o tempo de existência do movimento, o preconceito em relação às pessoas em questão já diminuiu. “Penso que a discriminação já tenha declinado um pouco. Esse é um dos principais objetivos da Luta, mas ainda temos muito o que progredir”, acrescenta.

 

O evento terá uma programação intensa. No campus Tijuca, as atividades vão das 8h às 21h30. Diversas conferências serão realizadas. Uma delas irá abordar o tema “A inclusão da Foraclusão: uma questão preliminar ao tratamento da Psicose na rede de Saúde Mental”, que ilustra a busca do movimento pela substituição dos hospitais psiquiátricos por serviços abertos de tratamento. Isso deve-se ao fato de que as maneiras de se tratar problemas psiquiátricos nestas instituições não são as mais adequadas, uma vez que os pacientes acabam sendo isolados, pois são submetidos a um prazo muito longo de tratamento. Portadores de sofrimento mental necessitam de atenção e vivência em sociedade. A palestra em destaque será ministrada por Antonio Quinet, professor do Mestrado e Doutorado do curso de Psicanálise, Saúde e Sociedade da UVA.

 

Além de conferências, a programação do dia 29 também conta com outras atividades, como Oficina de Pintura, com artistas do Atelier Gaia –  espaço de arte e criação que integra o Polo Experimental e Cultural de Educação e Convivência(PECEC) -, e Oficina de Teatro, com membros do grupo Loucos por Arte – Grupo de estudos voltado para assuntos de arte e estética. Mesas redondas também farão parte das atrações. Uma delas irá comemorar os 90 anos da Colônia Juliano Moreira.

 

A XI Luta Antimanicomial da UVA é aberta ao público e destinada a estudantes e professores de diversos cursos de graduação, usuários e familiares dos serviços substitutivos de saúde mental e profissionais da mesma área. As atividades são gratuitas e não necessitam de inscrição. Os interessados em participar da Oficina de Pintura devem levar suas respectivas telas.

 

Serviço

 

XI Luta Antimanicomial da Universidade Veiga de Almeida

 

Dia 27 de maio – campus Marapendi : Av. Gal Felicissimo Cardoso, 500 – Barra da Tijuca

 

Dia 29 de maio – campus Tijuca : Rua Ibituruna, 108.

 

Evento aberto ao público.

 

Programação campus Marapendi

 

08:00H – Abertura Auditório

Aline Drummond – Doutoranda em Psicanálise, Saúde, Sociedade UVA; Professora UVA.

Cristina Simões – Coordenadora Geral do Curso de Psicologia UVA.

Glória Sadala – Coordenadora do Doutorado em Psicanalise, Saúde, Sociedade UVA.

Luciana Marques – Coordenadora do Curso de Psicologia – Campus Tijuca.

08:15H – MESA: “Arte e Psicanálise”

  • “Arte e Inconsciente”

Palestrante: Auterives Maciel – Doutor em Teoria Psicanalítica; Professor UVA.

  • “O fazer Poético”

Palestrante: Gloria Sadala

  • “A impressão de um momento que nos causa”

Palestrante: Sheila Abramovitch – Psicanalista, Coordenadora do Serviço da Infância e Adolescência do HUPE;

 

10:00H – Coffee break

 

10:30H – MESA: “Um canto, dois sertões: Bispo do Rosário e os 90 anos da Colônia Juliano Moreira.”

Palestrante: Raquel Fernandes – Diretora Geral do Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea; Psiquiatra; Cineastra; especialização em Psicanálise pela Santa Úrsulla.

Palestrante: Marcelo Campos – Doutor em Artes pelo PPGAV/UFRJ. Professor adjunto do Departamento de Teoria e História da Arte UERJ.

 

14:00H – Oficina

  • Oficina de Pintura – Artistas do Atelier Gaia.

 

18:30H – Teatro – “Stella do Patrocínio”

Atriz convidada: Clara Nery

Apresentação de trabalho: Patrícia Mello e Patrícia Nery (alunas do curso de Psicologia e estagiárias do SPA UVA)

 

20:00 H – A construção de objetos e a arte em Arthur Bispo do Rosario

Flávia Corpas:  Doutora em Psicologia Clínica pela PUC/RJ e Mestre em Psiquiatria e Saúde Mental pela UFRJ. Psicanalista, pesquisadora e curadora de artes visuais.

 

Programação campus Tijuca

 

08:00H – Abertura Auditório
Aline Drummond – Doutoranda em Psicanálise, Saúde, Sociedade UVA; Professora UVA.
Cristina Simões – Coordenadora Geral do Curso de Psicologia UVA.
Glória Sadala – Coordenadora do Doutorado em Psicanalise, Saúde, Sociedade UVA.
Luciana Marques –Coordenadora do Curso de Psicologia Campus Tijuca.

 

09:00H – Conferência “A inclusão da Foraclusão – uma questão preliminar ao tratamento da Psicose na rede de Saúde Mental.”
Conferencista: Antonio Quinet – Psicanalista; Doutor em Filosofia e Dramaturgo; Professor do Mestrado e Doutorado do curso de Psicanálise, Saúde e Sociedade UVA;

10:15 – Coffee break

 

11:00H – Mesa
• “Desencadeamentos e respostas do sujeito.”
Palestrante: Vera Pollo – Psicanalista da Escola dos Fóruns; Professora do Doutorado e Mestrado em Psicanálise UVA.
• “Retorno no real. Fenômenos delirantes do Inconsciente a céu aberto.”
Palestrante: Sonia Borges – Psicanalista da Escola de Psicanálise do Campo Lacaniano; Professora do Doutorado e Mestrado em Psicanálise UVA.

14:00H – Oficinas
• Oficina de Pintura – Artistas do Atelier Gaia.

  • Oficina de Teatro– Artistas do Grupo Loucos por Arte

18:30H – Conferência “A estabilização da Psicose. O delírio como tentativa de cura.”
Conferencista: Maria Anita Carneiro – Psicanalista; Professora do Doutorado UVA.

20:00H – Mesa
“Um canto, dois sertões: Bispo do Rosário e os 90 anos da Colônia Juliano Moreira.”
Palestrante: Bianca Bernardo – Gerente de Educação.

Share.

About Author

Comments are closed.