O EMOCIONANTE DESFILE DE CHANEL EM CUBA

0

Os olhos e as atenções do mundo fashion se voltaram para a bela capital cubana, Havana, no último dia 3 de maio, quando a poderosa grife Chanel realizou seu primeiro desfile na América Latina no Passeo del Prado, coração da cidade que fora quintal dos Estados Unidos e também berço de um revolução bem sucedida liderada por Fidel Castro e o emblemático Che Guevara. Nesse ponto, alguém pode perguntar o que faz uma grife de luxo numa ilha onde a natureza e as belezas naturais e humanas são preservadas e a noção de anti-consumo, vital para uma vida plena, se faz presente?. Simples: Chanel é simples, apesar do luxo e do exuberante traje com o qual o estilista Karl Lagerfeld, 82 anos, apresentou sua coleção. Chanel, a criadora desse verdadeiro império da moda, sempre acreditou que é a simplicidade aquilo que empresta ao mundo o seu conceito de luxo e Havana é um luxo, sobretudo pela musicalidade e alegria de viver dos cubanos, que há muito erradicaram o analfabetismo e garantem um padrão de saúde pública, que hoje é exemplo para o mundo e cujos norte-americanos, findo o vergonhoso embargo econômico ao país que lideraram, agora se espelham e buscam conhecimento nessa ilha latina. O desfile musical de Chanel no Passeo del Prado, em Havana, é um convite ao bem viver que tem tudo a ver com Cuba. Simples assim.

Share.

About Author

Comments are closed.